Tarumirim realiza comemorações de 07 de Setembro de 2011

Tema das comemorações do 07 de setembro de 2011
BRAVA GENTE BRASILEIRA
Estamos hoje rememorando o 07 de setembro de 1822, quando D Pedro I, partindo de Santos para São Paulo e estando às margens do Rio Ipiranga, recebe uma carta das autoridades portuguesas na qual se dizia que ele imediatamente deveria voltar para Portugal. Como já tinha a intenção de permanecer no Brasil e o torná-lo independente ali ele ergueu a espada e gritou “Independência ou morte”. Daí para cá consideramos essa data como o marco histórico da Independência do Brasil. Mas para entender o processo de independência do Brasil temos que levar em consideração duas questões: primeiro, o ato de D. Pedro I não foi ato isolado, e sim um acontecimento que integra o processo de crise do Antigo Sistema Colonial, iniciada com as revoltas de emancipação no final do século XVIII; segundo, perceber que a independência do Brasil, restringiu-se à esfera política, não alterando em nada a realidade sócio-econômica, que se manteve com as mesmas características do período colonial.Desde as últimas décadas do século XVIII inicia-se na América Latina a crise do Antigo Sistema Colonial. No Brasil, essa crise foi marcada pelas rebeliões de emancipação, destacando-se a Inconfidência Mineira (1789), e a Conjuração Baiana (1789). Foram os primeiros movimentos sociais da história do Brasil a questionar o pacto colonial e assumir um caráter republicano. Era apenas o início do processo de independência política do Brasil, que se estende até 1822 com o "sete de setembro". Esta situação de crise do antigo sistema colonial, era na verdade, parte integrante da decadência do Antigo Regime europeu, debilitado pela Revolução Industrial na Inglaterra e principalmente pela difusão do liberalismo econômico e dos princípios iluministas, que juntos formarão a base ideológica para a Independência dos Estados Unidos (1776) e para a Revolução Francesa (1789). Trata-se de um dos mais importantes movimentos de transição na História, assinalado pela passagem da idade moderna para a contemporânea, representada pela transição do capitalismo comercial para o industrial.
Os Movimentos de Emancipação
A Inconfidência Mineira destacou-se por ter sido o primeiro movimento social republicano-emancipacionista de nossa história. Outros movimentos de emancipação também foram controlados, como a Conjuração do Rio de Janeiro em 1794, a Conjuração Baiana (1789), aConspiração dos Suaçunas em Pernambuco (1801) e a Revolução Pernambucana de 1817. 
Significado da Independência
A independência não marcou nenhuma ruptura com o processo de nossa história colonial. As bases sócio-econômicas (trabalho escravo, monocultura e latifúndio), que representavam a manutenção dos privilégios aristocráticos, permaneceram inalteradas. O "sete de setembro" foi apenas a consolidação de uma ruptura política, que já começara 14 anos atrás, com a abertura dos portos.
Tarumirim, 07 de setembro de 2011






























SME TARUMIRIM

Tarumirim celebra a Independência do Brasil com o tema Brava Gente Brasileira

07 de setembro de 2011 
189 anos de Independência do Brasil
Tema: Brava gente brasileira


Apresentações das escolas
1)Poesia
Escola Municipal Francisco Martins da Fonseca – Brava Gente Brasileira
Escola Estadual Francisca Hilária da Silva - “Brasileiro”- Ivete Zangalo


2)Coreografia
Escola Estadual Benedito Quintino dos Santos - Brasil Meu País Tropical
Escola Municipal São Sebastião - Aquarela do Brasil
Escola Estadual Engenheiro Amaro Ferreira - Aquarela


3)Dança
Escola Estadual Manoel Joaquim de Andrade – (Meu Brasil, Meu Orgulho)


4)Música
Escola Estadual do Povoado de Dom Carloto - (“Anjos da Guarda”- Leci Brandão)
Escola Estadual Rui Barbosa - (Hino Independência)


5) Teatro
Escola Estadual Olegário Maciel: não irá participar do evento


6)Jogral
Escola Estadual Beija Flor – (Um lugar ao sol)


7)Paródia
Escola Estadual Pimenta da Veiga -
Escola Municipal Agener Soares -


8) Teatro de Mímica
Escola Estadual Sinfrônio Bonfim -


9) Desfile (apresentação conjunta)
Escolas Municipais Rurais e Escola Municipal Ilda Pereira de Lima - (Brava Gente Brasileira)

SME TARUMIRIM

Novas regras para a movimentação financeira dos recursos repassados pelo FNDE

Tanto Tarumirim como os demais municípios brasileiros terão que se adequar às novas regras para a movimentação de recursos de alguns programas federais. Tais regras passaram a valer desde o dia 27 de agosto deste ano.
Estabelecidas pelo Decreto Presidencial nº 7.507/2011 e detalhadas no âmbito do Ministério da Educação pela Resolução nº 44/2011, do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), as normas envolvem programas como os de alimentação escolar (PNAE) e de transporte escolar (PNATE), Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE), Brasil Alfabetizado e Projovem, além do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) e do Proinfância-Manutenção.
Uma das mudanças principais proíbe que estados, municípios e o Distrito Federal façam pagamentos por meio de cheques e determina que a movimentação dos recursos seja realizada exclusivamente por meio eletrônico, mediante crédito em conta corrente de fornecedores e prestadores de serviços, para que sejam identificados os favorecidos dos pagamentos efetuados. “Essa medida vai permitir maior controle e mais transparência sobre os gastos dos recursos repassados pelo FNDE, além de facilitar a análise das prestações de contas”, segundo Gina Loubach, coordenadora-geral de execução e operação financeira do FNDE
No caso de cheques emitidos e não compensados até amanhã, dia 26, os entes federados deverão resgatá-los junto aos fornecedores para efetuar o pagamento por meio eletrônico. Caso não seja possível, os débitos lançados em suas contas deverão ser justificados nas correspondentes prestações de contas.
Outra novidade é que, independentemente de autorização do titular da conta, o FNDE divulgará mensalmente em seu portal na internet os extratos das contas correntes movimentadas pelos estados, Distrito Federal e municípios, com a identificação dos beneficiários dos pagamentos realizados.
A legislação que regulamenta o Decreto nº 7.507/2011 consta do portal do FNDE na internet, no endereço www.fnde.gov.br.

SME TARUMIRIM

Tarumirim participa do 4° Fórum Extraordinário dos Dirigentes Municipais de Educação, na Bahia

Acontece, a partir de amanhã (do dia 30 de agosto a 02 de setembro), na cidade de São João da Mata, no Estado da Bahia, o 4° Fórum Extraordinário dos Dirigentes Municipais de Educação, realizado através da parceria entre UNDIME NACIONAL e MEC. A Secretaria Municipal de Educação de Tarumirim estará presente neste fórum, representando os municípios prioritários.
SME
Mais informações serão posteriormente divulgadas

SME TARUMIRIM

COMUNICAÇÕES DA SRE/CARATINGA

RECEBIDA EM 17/01/2013

Ofício nº 003/2013

Assunto: Adesão dos Municípios ao PIP/  Alfabetização no Tempo Certo

Excelentíssimo Senhor Prefeito,

Cumprimentando-o cordialmente e considerando a importância do trabalho do PIP (Programa de Intervenção Pedagógica) e conforme comunicado em fala do  Exmo. Senhor Governador do Estado de Minas Gerais e apresentação feita pela Srª Secretária Ana Lúcia Gazzola no evento realizado para Prefeitos eleitos pela Associação Mineira de Municípios, convidamos  V.Exª.  a participar de uma reunião para oportunizar o acesso a metodologia do Programa que será acordado através de parceria com a Secretaria Estadual de Educação e Secretarias Municipais de Educação (SME) sendo um trabalho permanente, contribuindo para a estruturação das equipes do PIP nos municípios e oferecendo suporte, apoio pedagógico, capacitação e material de apoio. Na oportunidade estaremos divulgando a adesão a esse importante programa a imprensa.
Data: 18/01/2013
Horário: 9h
Local: Sala de Reunião da SRE Caratinga, 4º andar, Av. Mª Catarina Cimini, 100 – Caratinga/MG
Atenciosamente,


Cleice Mara Rocha
Diretora da Diretoria Educacional

Beatriz Gomes Batista A. de Souza
Diretora da SRE de Caratinga

.....................................................................................

RECEBIDA EM 30/01/2012
Senhor(a) Diretor(a),

O Programa Educacional de Atenção ao Jovem com o apoio da Superintendência de Desenvolvimento do Ensino Médio acompanha as ações do curso "Aliança pela Vida - Curso de Extensão: Prevenção em Pauta". O curso é uma parceria entre a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais, Secretaria da Defesa Social e Secretaria de Desenvolvimento Social.
As inscrições para a 2ª edição do curso já estão disponíveis. Nesta edição, além do curso ser disponibilizado a todos os servidores da educação, também poderão participar os alunos do ensino médio com idade mínima de 16 anos, em especial os JPPeas - Jovens Protagonistas do Peas Juventude.

O objetivo do curso é propiciar aos participantes a oportunidade de ampliarem seus conhecimentos para que possam atuar como multiplicadores nas ações de orientação, prevenção, tratamento, reinserção social e promoção de saúde de dependentes químicos, em prol da qualidade de vida.

Sendo assim, contamos com o apoio da Direção, Equipe Pedagógica e GDPeas - Grupo de Desenvolvimento Profissional do Peas Juventude, caso sua escola possua, no intuito da divulgação das referidas informações nesta unidade educacional e empenho para que aconteça forte adesão do maior número possível de servidores da educação e dos alunos do ensino médio.

Encaminhamos em anexo informações adicionais sobre o curso, que podem ser acessadas pelo site www.portal.minassaude.com.br.

Att.
Wayne Barbosa da Silva
Analista Educacional - SRE Caratinga

Tarumirim no III Congresso de Educação de Inhapim


Aconteceu, nos dias 11 e 12 de agosto de 2011, o III Congresso Regional de Inhapim, discutindo o tema "Prática pedagógica: desafios e perspectivas na  educação".
A Secretaria de Educação de Tarumirim, juntamente com seus Diretores, Coordenadores, Pedagogos e a Presidente do Conselho Municipal de Educação, participaram do evento.

PALESTRANTES DO CONGRESSO

Profº. Dr Augusto Cury
Palestra: “Revolucione sua qualidade de vida”

Médico psiquiatra, psicoterapeuta, cientista e escritor. Pós-graduado no Centre Medical Marmottan- Paris- França. Atualmente é um dos autores mais lidos no Brasil. Com sete milhões de livros vendidos somente no Brasil. Seus livros são publicados em mais de cinqüenta países e adotados em diversas faculdades. Conferencista em Congressos Nacionais e Internacionais; Membro de Honra da Academia de Gênios do Instituto da Inteligência do Porto-Portugal. Pesquisador da Psicologia: desenvolveu durante vinte anos uma das teorias sobre o funcionamento da mente e a construção da inteligência, publicada no livro “Inteligência Multifocal – Análise da construção dos pensamentos e da formação de pensadores”. A teoria da Inteligência Multifocal tem sido usada em teses de mestrado e doutorado em diversos países, nas áreas de psicologia, ciências da educação, sociologia, pedagogia e outras. Pensador e teórico da Educação e Filosofia: produziu uma nova teoria sobre a lógica do pensamento, o processo de interpretação e o processo de formação de pensadores.Produziu, provavelmente, a primeira análise psicológica dos pensamentos de Cristo, publicada na coleção “Análise da Inteligência de Cristo” e autor de várias outras obras.

Profª. Camila Cury
Palestra: "Escola da Inteligência: - A Educação que prepara para a vida."

Psicóloga, especialista em analise do comportamento humano Autora do livro “A beleza está nos olhos de quem vê”. Diretora geral do programa “ Escola da Inteligência ”, um programa que visa preparar crianças e jovens para os desafios da vida e para o mercado de trabalho. Objetivando a formação de pensadores, o desenvolvimento das funções complexas da inteligência, o desenvolvendo da auto-estima e a promoção da saúde emocional de professores, alunos e pais.

Profª. Emília Cipriano
Palestra: “A prática na sala de aula”

Doutora em Educação – PUC/SP, Mestre em Psicologia da Educação – PUC/SP, Especialista em Desenho e Gerência de Políticas Públicas e Programas Sociais INDES – Instituto Interamericano para o Desenvolvimento Social e BID – Banco Interamericano para o Desenvolvimento-(300 horas), Pedagoga, Assistente Social e Professora.

Profº. Fábio Fernandes 
Palestra: “Eu Posso Mais na Educação”

Escritor, consultor, conferencista motivacional formado em Administração de empresas, MBA e Gestão de recursos Humanos, PÓS em Gestão do trabalho pedagógico: supervisão e orientação escolar, Atuou na área da Saúde por 16 anos como acupunturista e quiropata, especialista em Relaxamento e PNL- Programação neuro-linguistica, autor do DVD “Motivando os professores em sala de aula” e dos Cds motivacionais

Profª. Isabel Parolin (RS)
Palestra: “Que tempo eu tenho pra educar?”

Mestre em Psicologia da Educação PUCSP, Especialista em Psicodrama e Psicopedagoga, Pedagoga (PUCPR), Psicopedagoga Credenciada pela ABPp e Autora de vários livros.

Profº. Max Gunther Haetinger
Palestra: “A Revolução na Sala de Aula”

O professor Max G. Haetinger cursou a Escola Superior de Educação Física e Artes Cênicas da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Economia na PUC-RS. É pos graduado em Informática na educação (UFRGS), Psicopedagogia (Candido Mendes). Mestre em Educação/Educacao a distancia (AWU/EUA) e Aluno especial do Doutorado em Informática na Educação(UFRGS). Desenvolveu pesquisas e apresentou trabalhos em congressos sobre temas ligados à criatividade, Informática aplicada aos processos educacionais, artes e educação física. Ministrou centenas de cursos para professores e profissionais de diversas áreas do conhecimento, sempre abordando o temas como criatividade, novas tecnologias, integração, motivação e trabalho em equipe. Professor associado ao IC2 instituto da Universidade do Texas (Austin-EUA). Diretor do Instituto Criar. É consultor e professor da Universidade SEBRAE de Negócios na área de criativa e Redes Colaborativas. Consultor da Microsoft Educação Brasil para informática na Educação.Paralelamente, desenvolveu a atividade de diretor de teatro, cinema e televisão.
Autor do livro Criatividade Criando Arte e Comportamento (1998) na sua décima Edição, Informática na Educação Um olhar criativo (2003) 2a edição. Universo Criativo da criança na educação (2005) em sua 4ª edição. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Aprendizagem lúdica e Educação a distância, atuando principalmente nos seguintes temas: Ensino-aprendizagem, criatividade, tecnologia aplicada na educação, mídia e imagem na aprendizagem, educação para corporeidade e Jogos e dinâmicas.

SME TARUMIRIM

Secretaria de Educação de Tarumirim realiza 1º Encontro dos Educadores

Palestra com Maria das Graças Pedrosa - FITE, da SEE.MG
No dia 18 de maio de 2011, das 08 às 17 horas, a Secretaria Municipal de Educação de Tarumirim, em parceria com as escolas municipais e estaduais, realizou o 1º Encontro dos Educadores de Tarumirim.
O Evento aconteceu na quadra poliesportiva da EE. Maria Teixeira da Fonseca e contou com a participação de mais de 450 pessoas, entre elas, os servidores que trabalham na educação do município (envolvendo as escolas municipais e estaduais), vários servidores da Superintendência Regional de Ensino de Caratinga, entre eles, a Diretora Rita de Cássia, e também secretários de educação e professores de outros municípios.
O Encontro teve como foco o alcance de dois principais objetivos: primeiro, a aproximação das escolas, com o intuito de criar um ambiente de entrosamento entre aqueles que trabalham em prol do mesmo objetivo, que é o de educar, pois cremos que todos que trabalham na educação, independentemente da função que ocupam, são educadores e contribuem para o processo de formação e desenvolvimento do aluno.
O segundo objetivo foi a aquisição de novos conhecimentos e experiências úteis ao trabalho educativo. Dentro desse enfoque, foram realizadas duas atividades: o encontro por área de conhecimento ou atuação (todos os servidores reuniram-se em grupos separados e preparados em forma de oficinas), e uma palestra, fechando o dia, abordando o tema “O Plano de Intervenção Pedagógica e suas inter-relações”, realizada por Maria das Graças Pedrosa, Diretora da Superintendência de educação infantil e fundamental, da Secretaria Estadual de Educação de Minas Gerais.
O Encontro foi maravilhoso! Tudo foi bem pensado para que os educadores tivessem um ótimo encontro. Teve café da manha, almoço para todos os participantes, sorteio de vários prêmios, entre eles uma TV 32’ full HD.
RONALDO JOSÉ FERREIRA

Educadores do município de Tarumirim ganham 20% de aumento

Foi votado, ontem, dia 04 de maio de 2011, na Câmara Municipal de Tarumirim, aumento de 20% para todos os profissionais da educação básica de Tarumirim, custeados pelos 60% do FUNDEB.

O projeto de lei votado (agora, lei), representa o esforço da administração municipal em valorizar os profissionais da sua rede de educação. Claro que o merecimento é bem maior do que a condição em reconhecê-lo, mas representa um avanço da administração no atendimento às reivindicações dos educadores que querem melhores condições de trabalho e um reconhecimento maior pelo seu trabalho.

O próximo passo, agora, é lutar para melhorar o vencimento dos profissionais do corpo administrativo, próprios da educação: bibliotecário, Secretário Escolar e Auxiliar de Secretaria Escolar. Vamos em frente!

RONALDO JOSÉ FERREIRA
Secretário de Educação

13/05/11 – Acontecerá o I Encontro dos Educadores de Tarumirim


No final do mês de fevereiro de 2011, o Secretário Municipal de Educação reuniu-se com todos os diretores das redes municipal e estadual de ensino de Tarumirim, para definir o tema e a programação do I Encontro dos Educadores de Tarumirim. Previamente ficou decidido, e já está confirmado, a palestra sobre o Plano de Intervenção Pedagógica (PIP) nas escolas, e quem irá palestrar é a Superintendente de Educação Infantil e Ensino Fundamental (da SEE/MG), Professora Maria das graças Pedrosa Bittencourt (Fit). À tarde, deverá acontecer encontro por áreas de conhecimento e atuação, que será dirigido por um educador que teve seu nome mencionado e confirmado na reunião.
Toda a organização do evento será feita através da parceria da Secretaria Municipal de Educação, escolas municipais e estaduais.
RONALDO JOSÉ FERREIRA

Tarumirim recebe Rua de Lazer do Sesc Minas

A Secretaria Municipal de Educação trouxe para Tarumirim, no dia 30 de abril de 2011, a Rua de Lazer do Sesc Minas, com vários brinquedos e diversões para a comunidade. Foi um momento de descontração para as famílias que vieram trazer seus filhos e acabaram participando também das atividades, entre elas, teatro e música no palco, com a participãção das crianças que cantaram e dançaram; tatuagem de rena; piscina de bolinhas; pinturas e colagens; dominó; dama; pula-pula; balões flutuantes e outros.
Cerca de 1.500 pessoas marcaram presença ao movimento.
RONALDO JOSÉ FERREIRA
Secretário de Educação

Exames Supletivos para conclusão do Ensino Fundamental e Médio em 2011

A Subsecretaria de Desenvolvimento da Educação Básica da Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais torna público que estarão abertas as inscrições aos Exames Supletivos, para conclusão do Ensino Fundamental e Médio, no período de 18/04/2011 a 15/05/2011, conforme Edital nº 01/2011, publicado no Minas Gerais de 06/04/2011.
Informe-se ainda que,
• As inscrições serão realizadas somente via internet, através do endereço eletrônico www.educacao.mg.gov.br/supletivo ou www.supletivo.caedufjf.net, no período de 18 de abril a 15 de maio de 2011.
• As provas serão realizadas nos dias 16 e 17 de julho de 2011.
• A taxa de inscrição será de R$6,00 (seis reais) por área de conhecimento. O candidato deverá pagar a taxa de inscrição, em guia específica, emitida no momento da inscrição, nos guichês dos bancos conveniados: Banco do Brasil, Itaú, Bradesco, Mercantil do Brasil, utilizando somente o boleto bancário emitido no ato da inscrição.
O posto do SINE estará disponível para efetuar as inscrições dos candidatos desempregados, somente no período de 18/04/2011 a 06/05/2011, podendo conceder isenção do pagamento da taxa de inscrição de, no máximo, 02 (duas) áreas de conhecimento, ou seja , em duas provas.
SRE/Caratinga

Tarumirim recebe curso de Agente Comunitário de Defesa Social

Comandante da 45ª CIA - Tenente Paulo César
Aconteceu na cidade de Tarumirim, nos dias 25 e 26 de março de 2011, o curso de formação de Agente Comunitário de Defesa Social, oferecido às diversas lideranças do município.
Este curso é idealizado pela PMMG e se configura como uma reação da sociedade contra o crime. Assim, os próprios cidadãos ajudam a evitar que sejam reunidas condições de delinquência e também atividades que poderiam se transformar em crime. Resumidamente, o curso é para instruir cidadãos que passam a ajudar a PM na conscientização das pessoas da comunidade sobre ações necessárias para diminuir a criminalidade e a violência.
A primeira palestra do curso foi a abordagem da temática Substâncias Criminogênicas, ministrada pelo Tenente Braga, da 153ª CIA, de Governador Valadares. Na preleção, entre outras informações, foram apresentadas as sete teorias criminais mais famosas, com destaque para a teoria das oportunidades, que apresenta o triangulo do crime: ofensor motivado, alvo disponível e ausência de vigilância. Esta teoria chamou muito a atenção do público por se apresentar como uma explicação mais direta sobre o porque certos crimes acontecem.
Tenente Braga - 153ª CIA de Governador Valadares
Depois do cafézinho das 10:00, do dia 25, foi a vez do Comandante do 4° Pelotão de Frei Inocêncio, Tenente Fernandes, dirigir suas palavras abordando o tema Chefia X Liderança, apresentando as características do chefe e do líder. Logo em seguida, o Comandante da 45ª CIA de Tarumirim, Tenente Paulo César, assumiu a palavra e discorreu sobre a Missão e Organização da Policia Militar que é a de ser uma polícia ostensiva de prevenção criminal, de segurança, de trânsito urbano, e rodoviário, de florestas e de mananciais e das atividades relacionadas com a preservação e restauração da ordem pública, além da garantia do exercício do poder de polícia dos órgãos e entidades públicos, especialmente das áreas fazendária sanitária, de proteção ambiental, de uso e ocupação do solo e de patrimônio cultural.
Nesse mesmo dia, todos puderam acompanhar a palestra de Tenente Filipe Gaicher, abordando o tema Direitos Humanos. Inicialmente, o palestrante construiu uma breve definição sobre o que é direito e depois sobre o que é o humano. Em seguida, construiu a noção de direitos humanos, apresentando sua evolução histórica, lembrando fatos relevantes para a matéria, como a Carta de João Sem Terra (1215), a Independência dos Estados Unidos (1776), a Revolução Francesa (1789), a criação da ONU (1948), a Constituição Federal de 1988 etc. 
Professora Marcelina - Diretora do Programa Fica Vivo, em GV.
No final do dia, o Tenente Rogério, Comandante do 3° Pelotão de Itanhomi, apresentou o tema Prevenção ativa e Responsabilidade Social, com base no art. 144 da Constituição Federal. Dessa palestra, o que ficou para o público, entre outras informações, foi que a prevenção ativa é o conjunto de medidas que tem como objetivo diminuir/dificultar a ação do criminoso em desfavor do cidadão ou da comunidade. Ou seja, o cidadão também deve adotar certas atitudes para evitar a prática de crimes em relação à sua pessoa, pois a segurança é da responsabilidade de todos. Exemplo: não passar sempre pelo mesmo local, evitar locais ermos e sem a circulação de pessoas, ligar sempre para a polícia quando perceber que um delito poderá acontecer ou quando perceber que há um estranho na cidade gerando alguma suspeita, usar sempre o cartão para fazer suas compras, não reagir ao ser abordado por um ladrão etc.
Certificação dos participantes
Na manhã do dia 26 aconteceram duas palestras. A primeira foi sobre a Doutrina da Defesa Social, com a Professora Marcelina, da Secretaria Estadual de Defesa Social, e também Diretora do Programa Fica Vivo, de Governador Valadares. A palestrante lembrou a evolução que aconteceu no conceito de polícia, deixando ela de ser apenas aquela que promove a defesa das instituições estatais para promover a segurança do cidadão. A Polícia vem, cada vez mais, se preocupando com a segurança pública, com a prevenção de crimes e até desenvolvendo seus trabalhos em parceira com a comunidade.
A Segunda palestra do dia foi com o Tenente Paulo César, falando sobre as formas de Controle da Polícia Militar. Segundo ele, na policia há duas formas de controle, o interno e o externo. O primeiro é exercido por uma Corregedoria e o segundo é realizado por vários órgãos, com destaque para o Ministério Público, constitucionalmente encarregado por esta forma de controle.
Sargento Edinalter, Prefeito Mirico, Major Casotti e Ten.Paulo César
Ao final, o Major Casotti, sub Comandante do 43° Batalhão, realizou uma avaliação do curso, respondeu algumas perguntas e procedeu à certificação dos participantes. Na concepção de Casotti, o curso, embora não ofereça tempo suficiente para aprofundar as questões relativas à segurança pública, ele é uma contribuição da Policia Militar para que a sociedade possa participar do trabalho no combate ao crime, levar a debate as necessidades de segurança da população, fomentar nos líderes locais ações comunitárias que ajudem a preservar a segurança nas cidades, distritos e povoados.

Ronaldo Ferreira
Secretário de Educação de Tarumirim

Mapa de Tarumirim

A Secretaria de Educação de Tarumirim publica Mapa de Tarumirim/MG, mostrando as diversas comunidades existentes no município, bem como as principais estradas que dão acesso a elas.
RONALDO JOSÉ FERREIRA

Tarumirim volta às aulas no dia 02 de fevereiro de 2011

Ronaldo Ferreira e alunos da EE. Francisca Hilária
O ano escolar para o municipio de Tarumirim começa no dia 01 de janeiro de 2011. Todas as escolas, municipais ou estaduais, terão, nesse dia, reuniões administrativas e pedagógicas, com o fito de planejarem o 1° semestre e prepararem uma boa recepção para os alunos, que voltarão a estudar no dia 02, quarta-feira.
A Escola Municipal Professora Ilda Pereira de Lima,  do Distrito Vai Volta, por exemplo, já definiu todos os detalhes para uma calorosa e agradável acolhida dos estudantes. Diretora, Pedagoga, professores e outros funcionários já deram jeito de preparar o ambiente da escola, músicas, pula-pula, comidas e muito mais.
Nesse clima de volta às aulas, o Secretário Municipal de Educação de Tarumirim, Ronaldo Ferreira, aproveita o momento para desejar aos educadores que trabalham em prol da educação tarumirinense muito sucesso em 2011.
Aproveita, ainda, a oportunidade para abaixo transcrever um texto de Cristovam Buarque, escrito às vésperas do volta às aulas de 2006, que reflete a real importancia que deve-se dar à educação brasileira e a quem nela trabalha.

Por Cristovam Buarque, fevereiro de 2006
"Todos os anos, o Brasil retoma o ritmo depois do carnaval. Mas, todos os anos, a história do Brasil recomeça com a volta às aulas. Nesse dia, anualmente, recomeça a construção do futuro do Brasil e das suas crianças, em função da educação que elas receberão. Em janeiro de 2003, logo no início do atual governo, propus ao ministro da Comunicação Social que o presidente Lula aproveitasse a volta às aulas para fazer seu primeiro pronunciamento em cadeia nacional.
Sugeri que o presidente destacasse a importância daquele dia para o futuro de cada criança, especialmente daquelas que iam à escola pela primeira vez; que elogiasse os professores como os verdadeiros construtores da nação; que lembrasse às famílias que educação não se faz somente na escola, mas também em casa; que solicitasse aos meios de comunicação que se juntassem ao esforço nacional pela educação; e que declarasse que seu governo faria uma revolução no País, começando um grande salto na qualidade da educação básica.
Minha sugestão foi recusada, com o argumento de que não se deveria expor a figura do presidente em função de assuntos menores, para não vulgarizar sua presença na televisão. E não houve transmissão nacional. Posteriormente, presidente e ministros foram à televisão falar de pagamento da dívida ao FMI, operação tapa-buracos, transposição do rio São Francisco, cadastramento de aposentados. Muitos motivos têm justificado o uso da cadeia nacional para falar da coisa séria que é a economia, mas não há justificativa para falar de educação.
Em 2004, já afastado do Ministério da Educação e sem contato direto com o presidente ou seu ministro, repeti minha sugestão. De nada adiantou. Poucas semanas após a volta às aulas, o presidente Lula discursou em um evento organizado pelo Banco Mundial em Xangai, para o qual eu também fora convidado. Ouvi atento o discurso sobre a pobreza no mundo, e notei surpreso que a palavra educação não tinha sido pronunciada uma só vez. Considerando que podia ter estado desatento, pedi uma cópia do texto. Li com cuidado, e confirmei a ausência da palavra educação. O problema da pobreza era tratado como decorrência do protecionismo das nações ricas aos produtores agrícolas, e a solução estava no livre comércio.
Em 2005 voltei a fazer a mesma sugestão, e em 2006 faço-a outra vez. Porque se o dia-a-dia do Brasil começa depois do carnaval, o futuro do Brasil começa na volta às aulas.
Sem criança não há futuro; mas sem educação, o futuro não será satisfatório. Prova disso é que há 500 anos temos promovido a volta às aulas, mas seguimos com um presente insatisfatório em termos de desigualdade, violência, corrupção, falta de instituições políticas sólidas, destruição do meio ambiente, desarticulação das famílias, caos urbano. A forma como a educação de nossas crianças é relegada não é a única causa dos constrangimentos por que passa o Brasil, mas certamente é a principal das causas.
Nestas semanas, 40 milhões de crianças brasileiras deveriam estar voltando às aulas, em horário integral, com professores bem remunerados, bem preparados e dedicados, em escolas bem construídas e bem equipadas, com prefeitos motivados e metas que definissem a responsabilidade de cada um deles na construção do futuro do Brasil. Mas isso não vai acontecer. Parte dessas crianças nem sequer se matricularão, as matriculadas não freqüentarão as aulas com a assiduidade devida, as que freqüentarem encontrarão professores mal remunerados, desmotivados, não contarão com equipamentos necessários, os pais considerarão que a responsabilidade é da escola. Assim, a cada ano, em vez de iniciarmos o futuro do Brasil, faremos de conta que houve uma volta às aulas.
Certamente, o presidente não falará em cadeia nacional. Por isso, continuarei repetindo a sugestão, esperando que um dia um presidente acabe com o faz-de-conta da educação brasileira, passe a considerar a escola como o berço da Nação, vá ao rádio e à televisão falar do assunto e mobilizar o País pela sua construção."

--------------------------------------------------------------------------------
Artigo publicado no jornal 'O Globo' no dia 04/02/2006.